Qual é a diferença entre NF-e e NFS-e?

Este artigo é destinado a empresas contribuintes e emissores de notas fiscais eletrônicas.

Está procurando uma api para emitir nota fiscal eletrônica? Clique aqui! E saiba como é fácil emitir uma nota fiscal eletrônica.

Qual é a diferença entre NF-e e NFS-e?

Implementada em meados do ano de 2008 a nota fiscal eletrônica ou NF-e foi um projeto que possibilitou um padrão nacional para autorização e geração de notas fiscais via internet. Contudo, devido a inflexibilidade deste padrão para atender a demanda específica das centenas de municípios do Brasil  criou-se a NFS-e (nota fiscal de serviços eletrônica).

A NFS-e é composta por uma estrutura de informação mais simples, contudo, pouco prática. abaixo algumas diferenças:

As diferenças entre nota fiscal eletrônica (NF-e) e nota fiscal de serviços eletrônica (NFS-e):

    • Na NOTA FISCAL ELETRÔNICA (NF-e)  a empresa contribuinte solicita à autorização da NF-e junto a SEFAZ (Secretaria da Fazenda Estadual)neste caso, existe uma padronização de estrutura de arquivos que abrange TODOS os estados brasileiros, facilitando em muito nas transações de documentos e suas respectivas autorizações.Em linhas gerais a NF-e possui uma abrangência maior de informações, pois precisa atender a todos os ramos de atividades, inclusive serviços. A vantagem é um padrão ÚNICO que atende qualquer estado brasileiro.

 

  • Na NOTA FISCAL DE SERVIÇO ELETRÔNICA (NFS-e)  a empresa contribuinte solicita à autorização da NFS-e junto a Prefeitura de seu município, note que são centenas de municípios que possuem suas particularidades e que por sua vez geram diferentes padrões técnicos na prática. Isso gera complicações porque cada município pode demandar um layout estrutural de arquivo diferente para aceitação eletrônica da nota fiscal.A NFS-e possui um layout mais simplificado em relação a NF-e, mas a estrutura destas informações mudam conforme a demanda do município. 😦

 

Qual a diferença básica entre NFS-e e NF-e no que se diz respeito a  solicitação da autorização da transação eletrônica?

A NOTA FISCAL ELETRÔNICA NF-e é gerada pelo sistema do contribuinte, assinada digitalmente e transmitida para a Secretaria de Fazenda Estadual. A SEFAZ valida as informações e concede a autorização de uso.

Já a NOTA FISCAL DE SERVIÇOS NFS-e utiliza o  RPS (Recibo Provisório de Serviços). O sistema do contribuinte gera o RPS e transmite para a Prefeitura. A Prefeitura transforma o RPS em NFS-e e disponibiliza o arquivo XML para o contribuinte.

Siga-nos no Twitter , Facebook e no Instagram e fique sabendo das nossas novidades e artigos.

Leia também:

Anúncios

Escrito por AnimalCode

Automação comercial é com a gente! www.animalcode.com.br

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.